21 de mai de 2012

A cada dia eu sou Teu

Eu sou do meu amado, e ele me tem afeição. Cânticos 7:10-11

Hoje, meditando no texto de Cânticos procurei uma passagem que falasse sobre o amado, pois uma música falara muito ao meu coração. 

ROOFTOPS da banda Jesus Culture, a canção diz sobre uma pessoa que se dispõe está diante de Deus, sabendo e conhecendo o que a graça dEle pode fazer, sabendo de que a liberdade só pode ser conseguida através do sangue derramado na cruz do calvário. Eu o refrão começa a entoar um cântico que diz, Eu ergo a minha voz pra proclamar que você me libertou.


So I shout out Your name
From the rooftops I proclaim
That I am Yours
I am yours

TRADUÇÃO
Então eu grito Seu nome,
dos telhados eu proclamo
Que eu sou Teu,
eu sou Teu.

Eu olho pra figura da noiva no texto de cânticos e começo a perceber que ela realmente se entrega, "apaixonadamente" a Ele como se não houvesse outro dia, como se não houvesse circunstâncias.

Então, essa canção diz que Eu grito o Seu nome, eu proclamo que eu sou Teu. Isso me faz perceber que a noiva de cânticos, literalmente amava o seu amado, a ponto de dizer de que ela era totalmente dele e Ele totalmente dela. Percebo, que ela tinha convicção da graça que o amado derramou sobre ela, sabia que podia confiar nEle.

A canção se desenvolve no mesmo contexto, de gratidão por Deus ter libertado de todo mal que ela merecia. 

Eu percebo que hoje, em nosso dias é muito fácil a gente perder o foco, a visão, é muito fácil deixarmos de cantar aquilo que realmente é necessário, pra cantar o que outros querem. Percebo, que nos preocupamos tanto com outras necessidades que esquecemos de proclamar que pertencemos a Ele, o Senhor, O Amado, O mestre.

Que a cada dia você possa declarar Eu sou Teu, totalmente Teu. Nunca esqueça do sacrifício, do amor que foi demonstrado na cruz. Experimento subir nos telhados e declarar, Jesus eu sou Teu.

Nenhum comentário: